Leia Primeiro | Inédito de Anabela Gonçalves

PDF

ANABELA GONÇALVES

Nascida na periferia de São Paulo em 1981, moradora do Jardim São Luís; a autora fez sua trajetória primeiramente na cultura 1995, como atriz em coletivos periféricos como Grupo de teatro Submundo que foi co-fundador da Associação Trópis e do Grupo de teatro Monte Azul entre outros; A partir da fundação da Associação Trópis, entrou no percurso da educação popular, 1997, atuando em ONGs e movimentos populares que levou a sua formação acadêmica em sociologia, 2010; Sua atuação profissional se estende a órgãos públicos como OS do Estado e a Casa de Cultura Municipal do Campo Limpo; Atua e foi co-fundadora do Coletivo Katu de educação e colaboração em coletivas feministas como Fala Guerreira, Periferia Segue Sangrando, entre outros. Atualmente assumiu a presidência da Associação Cultural Bloco do Beco, que atua a 18 anos no Jardim Ibirapuera; A poesia é a linha de costura dessa trajetória, tendo poesias publicadas nas coletâneas poéticas Sarau do Binho e Versos em Versos, estando presente em sua vida como parte das reflexões recolhidas em sua atuação como mulher, mãe, educadora, feminista e trabalhadora.
belaanavaz@gmail.com

POEMA


Como citar: Gonçalves, Anabela. Poema sem título. Revista Firminas, São Paulo, v. 1, n. 1, p. 307, jan/jul, 2021.

Publicado em: 11/03/2021

Editoria:

Fernanda Miranda
Luciana Diogo
Marília Correia

e_mail: revistafirminas@gmail.com

Arte | #1: Carolina Itzá

Diagramação | Literários: Maira Spilack

Capa | #1: Carolina Fernandes

Edição de vídeos | #1 Aline Fátima

Logomarca | Wal Paixão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *